23 de fev de 2009

diário de bordo - DOM MAI 27, 7/16

PREVISTO
27 DE MAIO – Seminário “A Arte do Ator” – debate – treinamento físico – respiração/voz – Andréia Barros – construção do movimento a partir da palavra (Sara Lopes) – improvisação sobre material coletado (VER/OUVIR/SENTIR) - atividades extra-aula: trazer depoimentos por escrito sobre o tema trabalhado.

REALIZADO
Visita ao MERCADO MUNICIPAL às 10h. O monitoramento foi feito por Rodrigo Roman.
Quem foi: Carol, Erik, Lisandra, Mateus e Willian.

Às 14h, treinamento físico e, em seguida, Rodrigo fez uma dinâmica com o grupo: dois improvisos sonoros a partir de sons pesquisados no Mercado (em dois ambientes diferentes) e dos objetos (quinquilharias) que o grupo trouxe de casa. A dinâmica foi feita por quem esteve no Mercado. Gabi e Thais assistiram. RESULTADO INTERESSANTE!

A leitura da fábula “Os dois Leões” e a contação em grupo, foi realizada no sábado, 26 de maio (ontem) em casa.

Seminário do livro "A ARTE DO ATOR":
CAPÍTULO 1. Thaís,
CAPÍTULO 2. Gabi,
CAPÍTULO 3 e 4. Lisandra, Mateus e Erik,
CAPÍTULO 5. Carol,
CAPÍTULO 6. Willian

Recortes de jornal sobre os temas já elencados (negros, mulheres, palestinos e sem-terra) e sobre fatos estranhos que acontecem no dia-a-dia. Só Antônio levou no sábado. Por fim, as cenas baseadas em matéria de jornal, com mais objetos e melhorada. Todos apresentaram, menos Carol.

Observações:
Thais: trouxe muitos objetos e acabou deixando a cena com excesso de informação. Aliás, informações desnecessárias. Foi sugerido que ela trabalhasse com alguns dos objetos, pequenos objetos, numa área cênica igualmente pequena, utilizando-se da contação de histórias.
Willian: trabalhou com Jhonatan e as reações deste foram diferentes daquelas sentidas pela Lisandra (no dia 06 de maio). Foi sugerido que ele pensasse em formas de “amplificar” essas sensações para o público.
Erik: Trabalhou o conceito de liberdade, mas ficou bem confuso. Quase ninguém entendeu. Foi sugerido que ele trabalhasse esse conceito a partir de dois objetos: uma garrafa com um bilhete dentro e um avião de papel.
Gabi: trabalhou novamente a mulher árabe. Foi sugerido que ela assistisse o filme “Osama” e tentasse detalhar mais a relação da mulher muçulmana com as vestimentas e a contradição mulher-que-tem-tudo / oprimida.
Lisandra: trabalhou a linha de produção. Foi sugerido que ela assistisse o filme “Tempos Modernos” de Charles Chaplin para pegar a mimese do trabalhador, mesmo em hora de folga: condicionamento de gestos.
Mateus: trabalhou o conceito de linha de produção com o auxílio de Thaís e Willian.


Etc.

Nenhum comentário:

Postar um comentário